por Europa

Paris em 5 dias (Final)

Paris em 5 dias (Final)


Chegamos hoje à última parte do nosso roteiro "Paris em 5 dias" . O que mais impressiona é perceber que mesmo após dois dias de visita, conhecendo alguns dos pontos turísticos mais famosos do mundo, ainda há muito para ver. Essa é uma das coisas mais estimulantes em Paris: a cada dia é possível conhecer um local mítico, um sabor diferente, um lugar ainda mais belo ou romântico. Concluindo o nosso roteiro básico você provavelmente chegará a duas conclusões: A primeira é de que você conheceu bem a cidade. A segunda é que você vai querer conhecer muito mais!


3º DIA: 1ºE 4º ARRONDISSEMENT + MUSEU DO LOUVRE
Começamos o terceiro dia com um passeio matinal à beira do Rio Sena, por onde você seguirá até chegar à Conciergerie, local onde Maria Antonieta ficou presa antes de ser guilhotinada. É possível visitar a cela em que ela esteve e observar uma bela construção histórica, onde se conhece a parte negra de Paris - como viviam os prisioneiros da chamara ‘época do terror’ da Revolução Francesa. A entrada ao monumento custa 8,5 euros e funciona das 09:30 às 18:00 horas.


Pode-se chegar à Conciergerie descendo na estação de metrô de Chatelet. Saindo da estação, basta descer a Rue Saint-Denis em direção à Pont au Change.


Você estará na Ilha de La Cité, e seguirá andando, passando em frente ao Palácio de Justiça de Paris, que fica ao lado da Conciergerie. Pouco depois você verá a Sainté Chapele, uma linda capela com os vitrais mais impressionantes da cidade. A entrada custa 8,5 euros. É sentar e contemplar tantos detalhes de beleza.

Paris em 5 dias (Final)
Paris em 5 dias (Final)Depois, é chegada a hora de conhecer a mais famosa igreja de Paris: a Catedral de Notre Dame (se quiser traduzir, ‘nossa dama’), que está um pouco mais à frente. A entrada é gratuita e é possível subir até as torres misteriosas imortalizadas no romance o Corcunda de NotreDame, de Victor Hugo. As filas muitas vezes circulam o quarteirão.


Para chegar à Notre Dame basta descer o Boulevard du Palais até o Quai du Marche Neuf e virar na Petit Pont.

Confira aqui a primeira parte desse roteiro e ganhe tempo na organização de sua viagem a Paris

Louvre
Saindo de lá você segue numa caminhada deliciosa, margeando o Sena e conferindo os livreiros que vendem também retratos, selos, cartazes e reproduções de pinturas.Também dá para observar a Pont Neuf, uma das mais bonitas da cidade. Você chegará então ao indefectível Museu do Louvre.
Tudo de bom e impressionante que você já ouviu sobre ele provavelmente deve ser verdade. Costuma ser um passeio que agrada até aqueles que não gostam de museus. Além das tradicionais fotos nos jardins e na pirâmide de vidro, conferir o incrível acervo do museu pode ter um preço: horas nas filas. A dica é comprar o “Paris Museum Pass”, que dá acesso a vários museus, incluindo a regalia de não enfrentar as filas de vários deles – o Louvre, inclusive.


A dica é pesquisar bastante e saber o que você vai querer visitar. Passe pelo menos um turno. O acervo principal começa mesmo com as sessões dedicadas às culturas etruscas, grega e romana. As mais de 40 salas dedicadas ao Egito antigo também são uma forma impressionante de aprender história. Corredores imensos são dedicados à arte da renascença e aos italianos. Corra para ver a Monalisa, é claro, mas não esqueça a Vênus de Milo, a Victoria de Samotrácia e “A Liberdade guiando o povo”, de Delacroix – além da pedra onde está registrado o código de Hamurabi.


O mais famoso museu de Paris fica aberto das 09:00 às 18:00 horas. Tarifa: 12 euros (acesso à coleção permanente).


Logo abaixo, temos um mapinha para você se situar.

Paris em 5 dias (Final)

4º DIA: PALÁCIO DE VERSAILLES
Paris em 5 dias (Final)Tire um dia para conhecer e curtir o Palácio de Versailles. Ele foi a sede do poder real francês e continua sendo seu maior símbolo, representando a opulência, riqueza e refinamento que gerou a ira dos revolucionários burgueses. É também um dos maiores palácios do mundo. Além de apreciar os aposentos reais e o famoso salão dos espelhos, é possível acompanhar as exposições que sempre acontecem por lá.

Paris em 5 dias (Final)
Este é um dos monumentos mais visitados de toda a França, portanto saiba que você irá encarar outra boa fila razoável. Depois da visita guiada, aproveite para desbravar com calma os jardins e ver o espetáculo das águas (momento em que todas as fontes são ativadas). O suco das laranjas colhidas lá mesmo é delicioso e muito diferente do brasileiro. Dá para remar no antigo lago real, mas o bom mesmo é um descanso (ou mesmo cochilo) nos gramados.


Para chegar lá, pegue o RER C e desça na estação Versailles-Rive Gauche ou vá de trem a partir da Gare Montparnasse e desça na para Versailles-Chantiers. Depois é só seguir o fluxo, você vai se deparar com a grade do castelo.
O passaporte para o Castelo + Espetáculo das Águas + Trianon sai por 25 euros. Para enfrentar uma fila um pouco menor, você pode adquirir o Paris Museum Pass.Há opção para 2 (42 euros), 4 (56 euros) ou 6 (69 euros) dias. Se você seguir o roteiro proposto pelo BLOG MALAS PRONTAS, será vantajosa a aquisição do passe de 6 dias – ele dá acesso a vários museus que citamos aqui. Somando os valores das tarifas de todos os museus e monumentos mencionados, temos 96,5 euros, e você gastará 69 euros para ter passe livre para todos e ainda fila diferenciada, economizando dinheiro e tempo. O único monumento mencionado nesse roteiro que não está incluso no Paris Museus Pass é a Torre Eiffel.


5º DIA: CENTRE POMPIDOU + PASSEIO DE BATEAUX MOUCHES
No último dia de viagem conheça o Centre Pompidou, museu dedicado à arte contemporânea. Situado no bairro do Marais, a arquitetura do edifício ao mesmo tempo impressiona e causa uma certa estranheza, justamente por não guardar qualquer relação com os monumentos clássicos de Paris. Sua estrutura em aço deixa à mostra as tubulações coloridas e as escadas rolantes, demonstrando a tendência high-tech do projeto arquitetônico da obra, que foi assinado pelo italiano Renzo Piano – ele venceu um concurso onde o brasileiro Oscar Niemeyer foi um dos jurados.


No acervo do museu, você encontrará obras lendárias de Marcel Duchamp e Andy Wharol. Se gostar de arte contemporânea, separe um bom tempo. Mesmo se não for muito fã, vale a pena dar uma circulada para conferir instalações e obras interessantíssimas. No último andar há ainda um bom restaurante, o George’s, de onde se pode avistar os telhados de Paris.

Onde comer em Paris? Confira nossas dicas de gastronomia na capital francesa


Para terminar o nosso roteiro "Paris em 5 dias", a dica para a noite é um cruzeiro-jantar pelo Sena. A empresa Compagnie des Bateaux-Mouches é uma das melhores e é possível fazer reservas pelo site. O passeio é de um romantismo indescritível, mas quem estiver em família ou sozinho também pode arriscar. A embarcação é coberta e você consegue visualizar o exterior através de janelas de vidro. Por isso é interessante deixar esse passeio para o final: você encerrará sua viagem tendo uma outra visão de alguns dos principais monumentos de Paris, relembrando os seus últimos dias e desfrutando uma refeição deliciosa.


O cruzeiro sai do cais próximo à Pont de L’alma e passa pelos seguintes pontos turísticos: Concorde, Museu do Louvre, Hotel de Ville, Conciergerie, Île da laCité, Notre Dame, Île de St. Louis, Pont Neuf, Museu D’Orsay, Inválidos, Torre Eiffel, Estátua da Liberdade (sim, não é só em Nova York que tem) e, por último, o Palácio de Chaillot. Um excelente final de viagem, para deixar aquela vontade de retornar.

Fotos: Divulgação

O BLOG MALAS PRONTAS não recebeu qualquer tipo de patrocínio para publicar este roteiro. As observações e sugestões foram feitas livremente pela própria equipe.
 
#Paris #Roteiro #Europa


Deixe um comentário