Turismo em Recife: Roteiro de 03 dias

Turismo em Recife: Roteiro de 03 diasRecife Antigo (Foto: Max Araújo)

Recife
é sempre lembrada como um dos melhores carnavais do Brasil. Conhecer a cidade durante a festa é muito bom, mas não custa lembrar: nem só de Carnaval é feita a capital pernambucana.
 
Basta passar alguns dias lá para perceber o grande potencial turístico desta cidade multicultural. Além de poder desfrutar da capital, é possível conhecer outros locais próximos, como Porto de Galinhas, Olinda e Itamaracá, caso você passe uma semana por lá.
 
O BLOG MALAS PRONTAS preparou um roteiro especial para você que tem poucos dias para passear em Recife e seus arredores. Acompanhe nosso roteiro de três dias na cidade!

Explore o nosso Brasil: veja aqui como planejar a sua viagem a Manaus
 

DIA 1 – RECIFE ANTIGO

 
Reserve o primeiro dia de viagem para conhecer onde tudo começou: Tome um táxi e siga para o bairro de Recife Antigo. Comece o passeio pelo Marco Zero da cidade, na Avenida Alfredo Lisboa.
Turismo em Recife: Roteiro de 03 dias
Praça do Marco Zero (Foto: Max Araújo)

No centro desta praça, não deixe de observar atentamente tudo o que está ao seu redor: as belas construções antigas de um lado e o Parque de Esculturas Francisco Brennand, do outro lado do rio.
Turismo em Recife: Roteiro de 03 dias
Parque de Esculturas Francisco Brennand (Foto: Max Araújo)

Depois de muitas fotos, siga para a Rua do Bom Jesus para visitar o Museu Sinagoga Kahal Zur Israel – local onde funcionou a primeira sinagoga das Américas.

Rua do Bom Jesus (Foto: Max Araújo)
Turismo em Recife: Roteiro de 03 diasA Sinagoga Kahal Zur foi construída no período de denominação holandesa, por judeus sefarditas de origem portuguesa que desembarcaram em Pernambuco. O museu mostra um pouco da cultura judaica, suas festas e seus símbolos.
 
No térreo, é possível ver o sítio arqueológico que originou as descobertas sobre a sinagoga. Já no piso superior, há uma réplica da sala de orações, bem fiel à original. Nesta sala, não deixe de observar os detalhes do belo teto, fruto de pesquisa em sinagogas da península ibérica.
 
Ali pertinho, quase ao lado, está a Embaixada dos Bonecos Gigantes, onde estão reunidos vários dos tradicionais bonecos que circulam no Carnaval. Depois de uma imersão numa cultura diferente, chegou a hora de rir muito e tirar diversas fotos. Acredite, o local é mais divertido do que parece.
 
São muitos os bonecos-celebridades e você vai querer tirar foto com todos: os mundialmente conhecidos Obama, Pelé e Nelson Mandela, são logo vistos. Os pernambucanos ilustres como Luiz Gonzaga, Alceu Valença e Chico Science, também estão no topo da preferência dos turistas, juntamente com as reproduções de artistas nacionais. Há ainda diversos adereços para utilizar na hora da foto!
 
Percorra a Rua do Bom Jesus até a Torre Malakoff, olhe para trás e aprecie o charme desta pequena rua antiga. Confira a programação do centro cultural da Torre e entre, caso tenha alguma exposição que lhe interesse. A vista lá do alto também é legal.
 
Caminhe até uma das pontes que cortam o Rio Capibaribe e admire a beleza do Recife Antigo, observando o Palácio das Princesas, sede do governo estadual, e o prédio do Palácio da Justiça.

Turismo em Recife: Roteiro de 03 diasRecife Antigo e suas pontes (Foto: Max Araújo)

Do outro lado da ponte, pegue um táxi em direção à Casa da Cultura, antigo presídio que hoje abriga um centro de artesanato. O local abriga muita arte, comidas regionais e é excelente para comprar lembrancinhas e coisas típicas. É também curioso ver a carceragem e sua estrutura – muitas bancas estão instaladas onde eram as celas.

Conheça a mais bela praia de Pernambuco: Fernando de Noronha
 

ALMOÇO

Chegada a hora do almoço, sugerimos uma parada no Leite, restaurante mais antigo do Brasil. O Leite é bastante tradicional e sofisticado, os garçons ainda vestem paletós brancos e há um músico tocando piano de cauda no local, o que torna a refeição ainda mais agradável.
 
O restaurante tem pratos muito tradicionais da culinária brasileira, como o cozido e a cartola. Mas a culinária portuguesa é tradicional por lá - o seu bacalhau é famoso na cidade. Os peixes e frutos do mar também são estrelas do cardápio e não decepcionam.
 
Provamos o arroz de frutos do mar como prato principal e um pastel de Belém de sobremesa. Comida excelente, atendimento impecável e ambiente mais que agradável. Eis o segredo para a durabilidade do Leite, que funciona há mais de 130 anos.

Turismo em Recife: Roteiro de 03 diasPraça no caminho do Leite ao Mercado (Foto: Max Araújo)

Para digerir o almoço, faça uma visita ao Mercado Municipal. Dá pra ir à pé, tranquilamente. O mercado não está entre os mais bonitos, bem conservados e limpos do Brasil, mas vale a pena para conhecer a cultura e os produtos locais.
 
DICA: O mercado é o melhor local para comprar o tradicional bolo de rolo a um preço mais módico.
 
Depois, siga a pé para o Forte das Cinco Pontas, uma das últimas construções holandesas em Recife e monumento representativo da arquitetura colonial. É incrível estar ali e imaginar que o porto do Recife estava tão próximo ao forte - e que hoje não há sequer sinal de água por perto.
 
Próximo ao forte sai um passeio da catamarã que percorre os rios Capibaribe e Beberibe, passando por todas as pontes do Recife Antigo. É um passeio bem legal para se ter outra perspectiva de um bairro que você acabou de conhecer caminhando.
Turismo em Recife: Roteiro de 03 dias
Passeio de catamarã (Foto: Max Araújo)

Mas você também verá muita poluição, sujeira no rio e perceberá como a vegetação tradicional, o manguezal, está agonizando. No passeio há algumas belas vistas da cidade, mas não espere uma natureza exuberante no rio.
 
Depois de uma programação extensa, a dica para a noite é comer uns petiscos no Boteco Maxime, em Boa Viagem. É um dos melhores da cidade, possui excelentes tira-gostos, bom atendimento e chopp sempre gelado – além de ser muito bem localizado. Já foi eleito por alguns guias como o melhor barzinho da cidade.
 

DIA 02 – OFICINA BRENNAND E INSTITUTO RICARDO BRENNAND

Conhecida a parte mais histórica da cidade, guarde o segundo dia para uma programação mais cultural na Oficina Brennand e no Instituto Ricardo Brennand. CLIQUE AQUI E VEJA TODAS AS NOSSAS DICAS sobre esses locais. Explicamos como chegar, o que ver nos dois locais e onde comer.
 

DIA 03 – OLINDA

Reserve este último dia para ir a Olinda e conhecer os seus encantos, fora do período carnavalesco. Muita gente faz o percurso a pé. Os gringos adoram. Mas a caminhada é cheia de subidas e a cidade é muito quente.

Turismo em Recife: Roteiro de 03 diasRecife vista de Olinda (Foto: Max Araújo)

Uma boa e cômoda opção é ir de táxi: o taxista faz um city tour pela cidade e desce nas principais igrejas, conventos, mirantes e ladeiras. Custa cerca de R$ 120,00 e a maioria dos taxis que estão por lá fazem o roteiro, já parando nos pontos estratégicos – e com direito a visita guiada, com explicações básicas sobre tudo.
 
A primeira parada é o Convento de São Francisco, convento franciscano mais antigo do Brasil, que teve sua construção iniciada em 1585.
Turismo em Recife: Roteiro de 03 dias
Móvel em estilo barroco no Convento de São Francisco (Foto: Max Araújo)

O conjunto arquitetônico local, em estilo barroco, impressiona e alcança seu ponto alto no claustro do convento, com suas paredes cobertas de painéis de azulejos portugueses azuis.
Turismo em Recife: Roteiro de 03 dias
Azulejos portugueses no Convento de São Francisco (Foto: Max Araújo)

Olinda é uma cidade alta, que oferece diversos mirantes. Escolhemos parar no mirante do Alto da Sé e de lá a vista é realmente deslumbrante - e de tão linda, dizem que deu o nome à cidade. Dá para ver o mar, o Recife e Olinda.
Turismo em Recife: Roteiro de 03 dias
Vista do Alto da Sé (Foto: Max Araújo)

Passados estes pontos, siga para o Centro de Artesanato local, que não é muito diferente do que se vê em Recife – é até um pouco menor. E de lá, aos Quatro Cantos, cruzamento entre quatro ruas que abriga o casario mais característico de Olinda e que ficou famoso pela música de Alceu Valença.
 
 
Na volta, há duas opções. Caso esteja chovendo, dá para ir ao Shopping Riomar almoçar no Outback ou no Pobre Juan. Se a tarde estiver ensolarada, vale um passeio pela orla de Boa Viagem - existem várias opções de almoço por lá.
Turismo em Recife: Roteiro de 03 dias
Riomar visto do catamarã (Foto: Max Araújo)

Turismo em Recife: Roteiro de 03 diasPara a noite, busque na agenda cultural o que está rolando na cidade, Recife é surpreendente e sempre tem shows muito bons e diversas opções de entretenimento. Só para se ter uma noção, enquanto estivemos por lá estavam rolando os shows de Charles Aznavour, Toquinho, Ney Matogrosso e Thales – sem contar os artistas locais nos bares e casas noturnas locais.
 
Para fechar esse post com gostinho de quero mais, destacamos a melhor das iguarias de Pernambuco: o bolo de rolo. Se você não é do Nordeste, pode não saber que se trata de um rocambole de massa muito fina, com os tradicionais recheios de goiabada, doce de leite ou chocolate.
 
O da Casa dos Frios foi eleito o melhor da cidade. Ele é um pouco mais caro, mas vale a pena cada garfada, sendo ainda uma boa lembrança para trazer para os parentes e amigos.
 
Enfim, faça chuva ou faça sol, com carnaval ou sem folia, Recife é um destino que esbanja arte, cultura, história, arquitetura e gastronomia. Tudo isso reunido num pedacinho de Pernambuco.
 
CONFIRA OS LINKS PARA OS MUSEUS QUE CITAMOS
 
Museu Sinagoga Kahal Zur Israel
Horário de Funcionamento: Terça a sexta, das 09h00 às 16h30 e aos domingos, das 14h00 às 17h30. Fechado às segundas-feiras e sábados.
Preço: R$ 10

Embaixada dos Bonecos Gigantes
Horário de Funcionamento: Diariamente, das 08h00 às 18h00.
Preço: R$ 10
 
Casa da Cultura
Horário de Funcionamento: Segunda a sexta, das 09h00 às 19h00; sábados, das 09h00 às 18h00; e aos domingos, das 09h00 às 14h00.
 
#Recife #Pernambuco


Deixe um comentário