Uma viagem a Santiago do Chile - Parte 02

Uma viagem a Santiago do Chile - Parte 02Vista do Cerro Santa Lucia (Foto: Max Augusto)

Semana passada publicamos a primeira parte de um roteiro de cinco dias por Santiago do Chile. A cidade já caiu na graça dos brasileiros e não é à toa: possui excelentes e variadas opções de restaurantes, uma noite agitada, pontos turísticos belíssimos e excelentes opções de passeios tipo “bate-volta”.
 
Leia hoje as nossas sugestões para os três últimos dias, onde reservamos uma esticada até as cidades de Viña del Mar e Valparaíso, uma visita à vinícola da Concha y Toro e outros programas na capital chilena: o badalado Pátio Bela vista, Parque Arauco, Museu Nacional de Belas Artes e muito mais. Confira!
 
Dia 03: VISITA A VIÑA DEL MAR E VALPARAÍSO

Como visitamos a cidade no verão, optamos pelo passeio de um dia inteiro entre as cidades de Viña Del Mar e Valparaíso. Fechamos a excursão aqui no Brasil e contratamos uma operadora local, mas dá para ir de ônibus ou de táxi. Ricardo Freire, do Viaje na Viagem dá algumas opções aqui.
 
A vantagem do tour contratado é a facilidade, praticidade e comodidade. A maior desvantagem é a falta de liberdade para explorar melhor as duas cidades. Se pudesse voltar no tempo, faria o passeio por conta própria e com mais calma.

Valparaíso
Iniciamos pela histórica Valparaíso, uma cidade costeira e portuária, que tem um centro de arquitetura valorosa, tombado pela Unesco como patrimônio cultural da humanidade. Preste atenção nos edifícios da Armada do Chile e do Corpo de Bombeiros, os mais belos da praça.

Se você tiver sorte e estiver num dia sem neblina, conseguirá tirar belíssimas fotos do mirante. Além disso, é possível visitar “La Sebastiana”, casa de Pablo Neruda em Valparaíso.

Uma viagem a Santiago do Chile - Parte 02
Valparaíso (Foto: Max Augusto)
 
Viña Del Mar
Seguindo o passeio, desembarcamos em Viña Del Mar, um balneário bem estruturado, limpo, organizado e ajardinado, com seu belo relógio de flores. Cá pra nós, a grande graça do lugar é poder molhar os pés nas geladas águas do Oceano Pacífico – e poder guardar essa experiência com você, imaginando-se do lado de lá do nosso continente.

Uma viagem a Santiago do Chile - Parte 02
Valparaíso (Foto: Max Augusto)

A comparação entre as cidades é inevitável, há pessoas que acham Valparaíso feia, mas não é o caso. Na verdade, Valparaíso é uma cidade carregada de história, além de ter sofrido vários abalos sísmicos, resistindo e renascendo a cada terremoto.

Já deu pra perceber qual das duas é a nossa preferida, né?

Conheça aqui outros destinos da América Latina!

Museu Nacional de Belas Artes (Foto: Divulgação/MNBA)
Uma viagem a Santiago do Chile - Parte 02Dia 04: MUSEU NACIONAL DE BELAS ARTES/PARQUE ARAUCO/CONCHA Y TORO/PÁTIO BELLAVISTA

Reserve o quarto dia para visitar o Museu Nacional de Belas Artes. Ainda que você não seja fã de museus, vale a pena visitá-lo, por conta da beleza do edifício, com a abóbada de vidro (ao estilo do Grand Palais de Paris), e pela sua localização, no bucólico Parque Florestal.
 
Preste atenção: o museu abre de terça a domingo, das 10:00 às 18:45, e a entrada é gratuita. Seu acervo é bastante interessante e valoriza os artistas nacionais, portanto não vá esperando encontrar obras de famosos pintores europeus.
 
Depois siga de táxi para almoçar no centro comercial Parque Arauco, shopping muito legal com algumas lojas ao ar livre, estilo Miami, e outras em espaço fechado, como estamos acostumados aqui no Brasil.

Uma viagem a Santiago do Chile - Parte 02Concha y Toro
A tarde deve ser toda dedicada à visita guiada à Concha y Toro. Escolhemos esta vinícola por ser a mais tradicional, a maior exportadora de vinhos do Chile, e por conhecermos alguns de seus rótulos, principalmente o Casillero Del Diablo, famoso aqui no Brasil.

O lugar é lindo, muito arborizado. O guia conduz o visitante às plantações, onde a consumação das uvas é livre, passando depois às explicações sobre a fabricação do vinho à visita às salas refrigeradas com seus imensos barris.

Nesse meio tempo há a degustação, que particularmente achei um pouco fraca, porque só é permitido provar um vinho tinto e um branco - mas você leva a sua taça de brinde como prêmio de consolação (foto da degustação ao lado).

Poderia haver uma degustação mais completa com pelos menos quatro opções de vinho e harmonização com queijos – como acontece em outras vinícolas.


A parte final do passeio é dedicada às histórias do vinho mais famoso da casa: o Casillero del Diablo - mas não vamos contar as nuances do passeio para não estragar a surpresa!

Por fim, e para o deleite dos consumidores compulsivos, é possível degustar alguns vinhos no wine bar local e também comprar alguns rótulos para levar para casa. Tendo a oportunidade, prove ou compre o Marquês de Casa Concha, um dos melhores da vinícola. No Brasil, a garrafa não sai por menos de R$ 80.

Uma viagem a Santiago do Chile - Parte 02

Pátio Bellavista
Depois de um dia proveitoso, a noite te reserva boas surpresas no Pátio Bellavista. Simplesmente um dos melhores lugares de Santiago para quem quer curtir a noite com ótima bebida, boa música e excelentes opões de comida. Tendo oportunidade, vá mais de uma vez, existem vários bares a serem explorados!
 
Aceitamos a recomendação do taxista de ir ao Backstage e não nos arrependemos. O local tem um cardápio extenso, que parece um livro. Possui drinks excelentes, muitas opções para tira-gostos e refeições, além de um variado cardápio de cervejas, do mundo todo. Tivemos sorte, pois no dia estava rolando um show de blues para ninguém botar defeito.

Conheça a primeira parte deste roteiro clicando aqui!

Cerro Santa Lucia (Foto: Max Augusto)
Uma viagem a Santiago do Chile - Parte 02Dia 05: CERRO SANTA LUCIA/BASILICA LA MERCED/BIBLIOTECA NACIONAL/RUA PARIS-LONDRES/LOS DOMINICOS/JANTAR NO “COMO ÁGUA PARA CHOCOLATE”

O Cerro Santa Lucia não é tão alto quanto o San Cristóbal, mas ele tem um quê de sofisticação que o outro não tem. A começar pela pequena quantidade de pessoas. Por ser um grande centro de lazer, o San Crisóbal atrai muita gente; já o Santa Lucia não é tão abarrotado.

Primeiro alerta: não há outro meio de chegar ao topo o morro a não ser andando - portanto prepare as pernas e o fôlego. Logo na primeira etapa da subida você já é recompensado com uma bela fonte de água potável, onde há um bebedouro para se refrescar e matar a sede.

Ao chegar lá em cima, a vista é compensadora, com um belíssimo panorama da cidade. Além de ter uma pequena e charmosa praça para você descansar as pernas antes de descer em direção à Biblioteca Nacional.

Uma viagem a Santiago do Chile - Parte 02A visita à biblioteca vale a pena por conta de suas exposições temporárias, sempre muito interessantes. Quando fomos, havia uma exposição sobre o personagem de quadrinhos “Condorito”, famoso na América Latina.

Saindo da Biblioteca visitamos a Basílica La Merced, tão bonita quanto a Catedral de Santiago, e as ruas Paris e Londres (foto ao lado). Rodamos um bocado e foi meio difícil encontrar essas ruas, que possuem seu charme – mas achamos que não valeu o sacrifício.
 
O local é residencial e não guarda qualquer surpresa ou particularidade a não ser o fato de a arquitetura dos edifícios lembrar estas duas capitais européias.

Como havia tempo de sobra e estávamos sem destino, aceitamos mais uma vez a recomendação de um taxista local e pegamos o metrô rumo à feirinha de artesanato de “Los Dominicos”, passeamos pelo centro de artesanato e almoçamos umas empanadas. Valeu o passeio, a feirinha é muito legal. Quanto à igreja, admiramos somente a sua fachada, pois só abre para missas.

À noite, se despeça de Santiago em grande estilo provando e sentindo os sabores do “Como Água para Chocolate” (é aconselhável reservar com antecedência). O restaurante rende homenagem ao famoso romance (que virou filme) da escritora Laura Esquivel.
 
Para quem assistiu ao filme será impossível estar lá e não lembrar da casa onde a personagem Tita nasceu, aprendeu a cozinhar e viu seu grande amor casar com sua irmã mais velha. O menu sugere uma viagem aos nossos sentidos e emoções, aos moldes da cozinha proposta por Tita, sendo uma ótima forma de se despedir de Santiago, a charmosa cidade que conquistou o coração dos brasileiros.

*Esta matéria não é patrocinada e o BLOG MALAS PRONTAS não recebeu qualquer cortesia para publicá-la.
 
#Santiago #Chile #América do Sul


Deixe um comentário